Watsapp - 19 - 98341-9326
Facebook - Marilluzcontabilidade

IRPF 2018

           O prazo para entrega da declaração anual de Imposto de Renda Pessoa Física do exercício de 2018, IRPF/2018, começou em 01/03/2018 e termina em 30/04/2018.
          Aconselhamos a entregar o quanto antes, e a não deixar para o final do prazo, pois a restituição é paga conforme data de entrega, de forma que os que entregam primeiro tendem a receber a restituição primeiro.
          Preenchemos e entregamos sua declaração de IRPF/2018, e parcelamos o valor de nossos serviços em até 03 parcelas no cartão de crédito.
         Prezamos pelo profissionalismo e sigilo de suas informações e documentos apresentados,sendo o preenchimento e entrega de sua declaração é efetuado pelo contador responsável, que conhece a legislação do IRPF, procurando evitar ao máximo que sua declaração fique retido na malha fina por erros e falhas no entendimento da legislação.
       Para esclarecer suas dúvida, entre em contato conosco e agende horário de atendimento em nossa sede.
       Confira abaixo as principais dúvidas e verifique se você está obrigado a declarar.
- Obrigados a declarar
- Documentos necessários
- Saldo de imposto
- Multa por atraso na entrega


CTPS digital - A O ministério do trabalho implantou a CTPS digital, onde o trabalhador poderá instalar em seu celular.

MEI - novos limites - A partir de 01/01/2018 foram incluídas e excluídas atividades no MEI e também alterado o limite de faturamento.

Novo salário-mínimo para 2018 - A partir de 01/01/2018 o salário mínimo federal foi reajustado para R$ 954,00.

Suspensão de inscrição do MEI - Os Microempreendedores Individuais MEI, que estão com impostos em aberto ou declarações sem entregar, terão as inscrições canceladas.

13º salário - O 13º salário é divido a todos os trabalhadores, inclusive os domésticos, e deverá ser pago em duas parcelas, a primeira até dia 20/11/2017 e a segunda até 20/12/2017.

Férias coletivas - As empresas que pretendem parar as atividades durante as festas de final de ano, podem conceder a seus trabalhadores no mínimo 10 dias de férias coletivas

Mais notícias

 



















  Em vigor desde 11/11/2017, destacamos
abaixo os principais mudanças nas leis
trabalhistas instituídas pela lei 13.467/2017.
- Introdução a nova lei
- Registro de trabalhadores
- Tipos de contratos
- Jornada e compensações
- Imposto sindical
- Férias anuais
- Rescisão de contrato
- Terceirizações de mão de obra
- Processos trabalhistas


Site Map